Professora se inspira em José Cortez para iniciar projeto de leitura

30/11/-0001

Por: Da redação PN

Papo ráido com Aloma Daiane, professora de Ipanguaçu, lugar que teve início o projeto “Rodas de Leitura”, junto a Editora Cortez.

Aloma, fale um pouco como foi o início do projeto Rodas de Leitura.

O início de tudo foi muito inusitado. Eu descobri um site e vi um documentário com o nome “Semeador de Livros”. Me interessei e fui procurar de onde vinha, e descobri que era de Cortez. Solicitei um DVD para a minha cidade, fiz cópia para as escolas da região e acho que todas as pessoas do mundo devem conhecer essa história.

Como José Cortez é visto em Ipanguaçu?

Ele é considerado um herói, um exemplo para todos os meus alunos na cidade. Ele é muito querido, todos perguntam por ele, as pessoas que assistiram o dvd ficaram deslumbradas.
Fizemos o lançamento com mais de 600 pessoas, no Clube Municipal, com a presença do prefeito, autores e poetas da região, e os alunos fizeram várias homenagens a ele, porque já conheciam a história de Cortez através do DVD, o documentário “Semeador de Livros”.

Você o considera um exemplo?

Considero sim. Tanto eu, quanto meus alunos e todas pessoas da minha cidade. Não diriasomente de Ipangauçu, mas acredito que todo o mundo deve conhecer esse homem que é
exemplo de vida. Como diz sua frase: “a leitura me levou a ser o que sou hoje”.