FJA e SETUR querem priorizar restauração da Fortaleza dos Reis Magos

17/01/2019


Em reunião realizada na tarde da quarta-feira (16) entre a Fundação José Augusto-FJA, Secretaria Estadual de Turismo -SETUR, empresas de turismo receptivo do RN e sindicato da categoria, foi decidida a continuidade das obras de restauração da Fortaleza dos Reis Magos sem visitação de público ao equipamento.
 
A FJA e a SETUR acataram os argumentos apresentados pelos agentes do setor turístico para priorizar as obras de restauração, cumprir o calendário e não prejudicar a próxima alta estação turística.
 
Os representantes das empresas de turismo presentes à reunião foram unânimes em afirmar que a abertura parcial para a visita do público poderia comprometer a imagem de um dos principais cartões postais do Rio Grande do Norte.
 
A Fortaleza dos Reis Magos deverá ser reaberta à visitação com a obra concluída e a expografia renovada, atendendo todas as condições de acessibilidade e segurança, e seguindo as determinações do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional -IPHAN.
 
As obras de restauração do equipamento, iniciadas em dezembro do ano passado e com previsão de doze meses, incluem intervenções no piso e teto, além de serviços de iluminação, instalações elétricas e sanitárias, pintura e acessibilidade, através de investimentos em torno de R$ 3,9 milhões do Governo Cidadão/Banco Mundial.