Benes prevê crise sem precedentes no ensino superior público do RN

06/05/2019

Por: Redação PN
O deputado federal Benes Leocádio, em Nota, prevê crise "sem precedentes ao ensino superior público com o  corte de 30% dos recursos das institutos federais e das universidades federais do Rio Grande do Norte.
E deputado disse
 
NOTA 
 
O anúncio do Governo Federal de bloqueio orçamentário nas universidades federais na ordem de 30% é preocupante e pode acarretar uma crise sem precedentes ao ensino superior público no Rio Grande do Norte, impactando o funcionamento do IFRN, UFRN e UFERSA. 
 
O corte dos recursos é inaceitável. O conhecimento e a formação ofertados pelas instituições federais no nosso Estado, trazem perspectivas de futuro aos jovens, mudam as realidades dos municípios e dão oportunidades de emprego e renda às famílias. A educação não pode, de forma alguma, sofrer com restrições de verbas, mesmo neste momento de crise econômica. 
 
Nos próximos dias, em Brasília, vamos buscar soluções unindo esforços junto aos colegas da Bancada Federal do RN, apelando ao Ministério da Educação e ao Governo Federal para que a decisão seja revista. Na quarta-feira (8) estaremos participando de uma reunião, convocada pela Frente Parlamentar em Defesa dos Institutos Federais da Câmara dos Deputados, onde, através do nosso mandato, vamos representar e reforçar discussões a favor do IFRN. 
 
O fortalecimento da educação pública é uma das prioridades de nosso mandato. Por isso, estaremos empenhados em encontrar alternativas que possam garantir que UFRN, UFERSA e IFRN não sejam atingidos pelo corte de recursos. 
 
Benes Leocádio 

Fonte: Mossoró Hoje