Parnamirim: sindicalista denuncia buraqueira no bairro Parque das Nações

30/05/2019

Por: Redação PN
Foto: PNTV
A Diretora do Sindicato dos Servidores Municipais de Parnamirim, Vilma Leão, concedeu uma entrevista nesta quarta-feira (29) ao Jornal Potiguar Notícias. Durante o bate-papo, Vilma destacou as manifestações programadas para esta quinta-feira (30). Estudantes em todo o país irão as ruas contra os cortes nas instituições federais de ensino. 
 
"A Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil têm participado de todos os movimentos contra essas propostas do governo Bolsonaro de reforma da previdência e cortes na educação", disse. 
 
Ainda segundo ela, os cortes que começaram pelas universidades, podem atingir a educação básica - fez um convite aos trabalhadores de Parnamirim à ingressarem nos atos de hoje. "Nada impede que amanhã seja a educação básica, a educação toda afetada por estes cortes", afirmou. 
 
Problemas de Parnamirim 
 
Durante a conversa com o jornalista William Medeiros, Vilma fez um alerta sobre a saúde municipal de Parnamirim. Segundo ela, a falta de médicos acaba superlotando os postos de saúde do município. "Na área de saúde falta muitos profissionais, eu moro vizinha a uma unidade de saúde que tem um clínico geral para atender todos os problemas de saúde". Disse.
 
"Muita coisa ainda precisa ser revista, eu moro por exemplo em um bairro que é totalmente prejudicado pela falta de calçamento, eu moro no Parque das Nações - também conhecido como Coophab - existe uma briga judicial entre Coophab e prefeitura, e nós munícipes ficamos prejudicados por isso", destacou. 
 
Antes da entrevista ir ao ar, ela afirmou que o bairro Parque das Nações esta uma "buracolândia", confira a entrevista completa abaixo;