Prof. Aderson Freitas Barros

13/10/2020
 
Nova moda de pagamento bancário instantâneo: Pix
 
 
A nova plataforma da modalidade de pagamento bancário criada pelo Banco Central (PIX) vem em tempo real realizar instantaneamente pagamentos das transações bancárias com facilidade, praticidade e segurança.
 
As pessoas físicas e jurídicas podem concretizar suas transações de pagamentos de forma ágil, rápida com um serviço que funcionará por 24 horas sem custo adicionais para as pessoas físicas e com menor custo para as pessoas jurídicas que deve negocias seu valor do serviço com a instituição bancária.
 
Todos devem acionar apenas o link do banco onde tem sua conta corrente, para promover seu cadastro no aplicativo através do seu telefone célula ou terminal de atendimento bancária da sua instituição. 
 
O banco vai fazer em conjunto com o Banco Central o cadastramento da "chave" escolhida pelo cliente correntista, com a identificação dos dados bancários e chaves PIX que será de livre escolha podendo ser cadastrado:
 
- Número de CPF;
- Número do CNPJ;
- Endereço de e-mail;•.
 
Para as empresas de moda geral, o PIX representará um incremento no caixa, onde o dinheiro será creditado em até 10 segundos. Ao caso, de ocorrer dúvida na transação, a autorização para o crédito será suspensa por até uma hora, que será ou não confirmada pelo correntista titular da conta bancária.  
 
A nova modalidade de pagamento instantâneo via PIX, vai excluir o TED que leva em média 40 minutos para realizar a transação e o DOC que demorava um dia útil para o crédito de pagamento ser depositado na conta do beneficiado. 
 
Tanto o TED como o DOC, tem atualmente cobrança de taxas de conformidade com sua instituição financeira, o que será abolido no futuro com a chegada do PIX.