Renisse Ordine

08/04/2021
 
Você não sabe do que é capaz 
 
O escritor/poeta baiano, Cacau Novaes, nos presenteia com um livro que faz remexer as nossas emoções. Um artista múltiplo das palavras, que não se restringe apenas as composições dos versos. Busca a interação das palavras com o som intuitivo do pensamento, numa mistura dos elementos da natureza e do próprio ser. 
Por entre os 117 poemas que compõe o livro, Cacau nos apresenta a alma do poeta tal como ele é: um andarilho que caminha através do tempo, com um coração sem pouso, sem moradia, mas, preso pelo olhar do luar que ilumina a alma, por vezes, ferida. 
Está tão estranho sem você. 
Eu não sei o que deu em mim, 
Eu só sei que saí,
Andando sem destino, 
Para poder aceitar o que tempo diz. 
A poesia é uma como uma música, e é com esse ritmo que iniciamos e finalizamos a “leitura” dos poemas. Um fortalecimento melódico, necessário na dura rotina que nos faz perder a confiança em nós mesmos; e no que ainda podemos provocar em outras pessoas: o amor, a magia que julgamos perdida, pelo passar dos anos. 
Os versos contidos nos livros vêm como uma base de fortalecimento, que entre rimas e espaços, vamos refletindo sobre a necessidade que temos de nós, e dos outros. Pois, não somos uma ilha. Necessitamos sim, amar e ser amados. 
Falhamos, acertamos, amamos demais ou de menos... Assim a nossa construção vai se formando. Agindo na natureza e exalando nela a nossa essência. 
Por oras de otimismo e por vezes, de desespero. Pela nossa falta de esperança e erros. Erros comuns com consequências eternas. 
Apesar de tudo 
E do tempo e do mundo
E, até diria, das estrelas
E do universo, 
Eu estou aqui. 
 
O livro “Você não sabe o que é capaz”, é simples, lindo, lírico. Composto com muita emoção por alguém que sabe ser poeta da vida e do amor, Cacau Novaes.