5° Encontro Nacional de Dança segue com espetáculos gratuitos

31/07/2013

Por: Gustavo Farache

O  Encontro Nacional de Dança Contemporânea, através do incentivo da Funarte, Prefeitura de Natal e a Lei Djalma Maranhão, sob a coordenação geral de Diana Fontes, continua acontecendo em Natal até o dia 3 de agosto, contando com atrações nacionais e expoentes da dança. 

O Encontro acontece em espaços cênicos, praças e shoppings, como o Teatro Riachuelo,Teatro Alberto Maranhão, Casa Da Ribeira, Parque das Dunas, além de ruas da idade, em uma programação completa de oficinas e espetáculos gratuitos,mediante a doação voluntária de alimentos não perecíveis a serem destinados ao Programa Mesa Brasil SESC.

 Confira os espetáculos gratuitos desta terça e quarta-feira através do site: www.econtrodedanca.com


ESPETÁCULOS DESTA TERÇA EQUARTA-FEIRA:

DIA 30/07

 19:00H – ESPETÁCULO DE DANÇA

Local: Casa DaRibeira Duração: 40 minutos Classificação: Livre

Otávio Bastos (PE) – O Fio DasMiçangas |Projeto Contemplado pelo Prêmio Funarte Petrobras de Dança Klauss Vianna 2012
- O espetáculo surgiu a partir de leituras principalmente da obra de StuartHall sobre identidade e globalização, sobre como culturas ancestrais são vistas(e até utilizadas) pela cultura de massa. Na fricção desse processo, maisespecificamente, foi a concepção de indivíduo que o trabalho abordou. Como se existissem vários “eus” em contraponto a um único “eu”, o trabalho, pormeio de um procedimento cênico teatral ancestral, a máscara, compõe um “moduscorpóreo” cuja ambiência é densificada pela ação performática de umDJ.  

20:30H – ESPETÁCULO DE DANÇA

Local: TeatroAlberto Maranhão Duração: 45 minutos Classificação: Livre

Sem Censura Cia. De Dança (PB)– Libertango |Projeto Contemplado pelo Prêmio Funarte Petrobras de Dança Klauss Vianna 2012-O espetáculo retrata as inquietações de uma mulher que ao ver sua imagemrefletida no espelho tem a oportunidade de reviver sensações que a levam aentrar em conflito consigo mesma. Já cansada dessa luta pessoal, essa tal“Maria” resolve se aceitar e viver em perfeita harmonia com a realidade impostapelo destino.

DIA 31/07

18:30H – VÍDEO DANÇA

Local: Casa da Ribeira Duração: 25 minutos Classificação: Livre

Sofia Orihuela (Bolívia) – Mostra Ibero-Americana de Vídeo Dança 

19:00H – I PLATAFORMA DE DANÇA

Local: Casa daRibeira Duração: 60 minutos Classificação: Livre

 Domínio Cia de Dança – “Eita”

Uma grande brincadeira dançante; onde esta expressão, é repletade múltiplos sentidos, que exprimem todo um regionalismo nordestino. Nesseritmo contagiante, carregado de elementos folclóricos, sinta-se convidado aentrar na brincadeira... “Eita”?!

19:00H – I PLATAFORMA DE DANÇA

Local: Casa daRibeira Duração: 60 minutos Classificação: Livre 

Cia de Dança do Teatro Alberto Maranhão - Rascunho
"não sou igual a ninguém e nemdiferente como a maioria...
apenas sou...um rascunho de linhas turvas e trêmulas.
estou em construção e desconstrução.
sou um sonho, um plano, um projeto.
morro e renasço todos os dias.
sou assim: uma página em branco.
um rascunho que pode ser apagado e reescrito à qualquer tempo, ou tragicamente anulado e esquecido".

20:30h – ESPETÁCULO DE DANÇA |CONEXÃO RENDA

Local: Teatro Alberto Maranhão Duração: 60minutos Classificação: Livre

Projeto Contemplado pelo Prêmio Funarte Petrobras de Dança Klauss Vianna 2012

Nammu Cia. De Dança (RN) – Cidade Vestida - Espetáculo em que a dança dialoga com registros videográficos e a música para falar da relação que há entre a pelehumana e a pele da cidade; suas singularidades, nuances e matizes. O desejo éprovocar a reflexão sobre como habitamos a cidade e de como compomos a nossahistória e a história de nosso lugar. Qual meu olhar sobre a cidade? Como merelaciono com sua arquitetura, com suas curvas, suas memórias? Desse lugar, oque incorporo? Essas, dentre outras, foram e são questões que alimentam nossomanancial criativo.

Anízia Marques Dança Contemporânea (RN) – Só Eu Sei – Uma conexão com a mulher de ontem e hoje,mostrando o poder do feminino através da linguagem da dança. O trabalhotransmite conexões e sentidos que não se limitam apenas aos movimentos, mas quese ampliam e surpreendem os espectadores.

Gesto Cia. de Dança (RN) – Poema Em Três Palavras – Através da inquietação em combinar movimentosde três corpos distintos, buscando transmitir a essência de um poema corporal.Utilizando-se de suas respectivas bagagens motoras, os bailarinos encontram-seunidos em versos que pompõe uma coreografia.

Fonte: Assessoria