Explosões em igrejas e hotéis deixam ao menos 160 mortos no Sri Lanka

21/04/2019


Foto: STR/AFP
 
Oito atentados — a maior parte deles em igrejas que celebravam a missa pelo Domingo de Páscoa e em hotéis de luxo — deixaram ao menos 160 pessoas mortas neste domingo (21), no Sri Lanka.
 
Um desses ataques aconteceu em Orugodawatta. Um homem-bomba matou três policiais ao se detonar em um prédio no subúrbio da cidade, que fica ao norte da capital, Colombo.
 
Após a sequência de ataques, o governo local instaurou um toque de recolher por tempo indeterminado. O alerta vai das 18h locais (9h30 de Brasília) às 6h (21h30 de Brasília).
 
Além disso, o governo decretou um bloqueio temporário das redes sociais para impedir a difusão de "informações incorretas e falsas" sobre a onda de atentados.
 
"O governo decidiu bloquear todas as plataformas das redes sociais, com o objetivo de impedir a propagação de informações incorretas e falsas. Trata-se de uma medida temporária", anunciou a Presidência, em uma nota.

Fonte: CB Correio Braziliense/ France-Presse