UFRN tem 2019 de conquistas esportivas em diferentes modalidades

22/12/2019


Foto: Cícero Oliveira
 
O ano de 2019 foi de muitas conquistas para o esporte da UFRN. Nesse período, a Universidade participou de diferentes competições, em variadas modalidades, e conquistou resultados significativos em níveis estadual, regional e nacional. No ranking da Confederação Brasileira do Desporto Universitário (CBDU), a UFRN ficou em 8º lugar, entre mais de 300 Instituições de Ensino Superior, e em 2º lugar entre as universidade públicas.
 
Parte desse resultado se deve ao desempenho da UFRN nos Jogos Universitários Brasileiros 2019 (JUBs), evento em que a instituição obteve resultados importantes. No karatê, por exemplo, atletas da UFRN conquistaram o 3º lugar na categoria masculina e 2º e 3º lugares na feminina. Na mesma competição, a equipe de futebol feminino alcançou o 4º lugar.
 
Handebol de Areia, Futebol de Areia, Badminton, Jiu-Jitsu, Judô, Taekwondo, Xadrez e Atletismo foram modalidades que também receberam premiações nos JUBs 2019. O paradesporto da UFRN também teve seu destaque. Nas Paralimpíadas Universitárias 2019, o atletismo da UFRN conquistou uma medalha de ouro e duas de prata. A natação obteve três ouros nessa competição.
 
A nível regional, as equipes de handebol masculina e feminina da UFRN foram campeãs dos Jogos das Universidades Federais do Nordeste. Nesses jogos, os times de basquete masculino e feminino conquistaram o 1º e o 2º lugares, respectivamente, e, no futsal, o time feminino ficou em 2º lugar, e o masculino em 3º.
 
Os nadadores da UFRN acumularam 7.818 pontos no Circuito FAN Master de Natação e ficaram no 1º lugar geral da competição que envolve competidores do Rio Grande do Norte.
 
“Foi um ano excelente, apesar das dificuldades financeiras”, comenta Romilson Nunes, Diretor do Complexo de Esportes e Eventos da UFRN (Coespe). “Deixamos de participar de algumas competições e isso influenciou um pouco nosso resultado final, que poderia ter sido ainda melhor”, afirma Alexandre Bulhões, Gerente de Esportes do Coespe.  
 
Alexandre também destaca que é importante que “o esporte de rendimento continue sendo fomentado pela UFRN, para que possamos dar continuidade aos treinamentos e, assim, manter a nossa universidade entre as melhores IES no ranking nacional”, finaliza.

Fonte: Lucas Melo, sob supervisão de Jornalistas de Agecom UFRN