Isolda pede apoio da bancada potiguar para MEC suspender ENEM

19/05/2020


 
 
A deputada Isolda Dantas (PT) encaminhou requerimento ao Ministério da Educação (MEC) e à Bancada Federal do Rio Grande do Norte, a fim de que o MEC determine a imediata suspensão dos procedimentos de realização do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2020.
 
“O MEC decidiu realizar o Enem este ano, mesmo diante da pandemia do novo Coronavírus, que no Brasil já provocou mais de 16 mil mortes e tem cerca de 242 mil casos confirmados. Essa decisão contraria o bom senso e a razoabilidade, ignorando recomendações dos conselhos de educação, das entidades estudantis e profissionais de educação; além das autoridades de saúde”, criticou.
 
Isolda lembrou que não se pode ignorar que, com o agravamento da pandemia, os estados e a maioria dos municípios decretaram estado de calamidade, tomando medidas restritivas e determinando o isolamento social, que levou à suspensão das aulas presenciais das redes pública e privada.
 
“Esses fatores tornam o Enem impraticável este ano, especialmente porque seria injusto com os candidatos mais pobres, que têm enfrentado dificuldades no ensino online, seja pela falta de computadores ou de acesso à internet; por problemas na comunicação com os professores; ou por falta de espaço adequado em casa para estudar”, explicou a parlamentar.
 
Concluindo, Isolda argumentou que “insistir na realização do ENEM é corroborar com um prejuízo sem precedentes para os estudantes que buscam ingressar no ensino superior e, por conseguinte, para a educação brasileira”.