Prefeito de Ceará-Mirim decreta fechamento do comércio exceto essenciais

21/05/2020


 
O prefeito de Ceará Mirim, Júlio César Câmara, decretou o fechamento do comércio no município, exceto essenciais em virtude da Pandemia.
 
A alegação é que o município já começa a ter suspeitos de Covid-19 e o temos do colapso do hospital público da cidade.
 
Leia na íntegra o comunicado do Prefeito através de sua rede social
 
Boa noite a todos.
 
Passando para informar que acabei de assinar Decreto adotando medidas restritivas de fechamento de todo o Comercio local com exceção dos serviços essências, suspensão de feiras livres, proibição de qualquer tipo de aglomeração no âmbito do Município de Ceará Mirim, principalmente nas agências bancárias e  lotéricas. 
 
Tal decisão foi embasada pelo significativo aumento no número confirmado de COVID 19 no Município de Ceará Mirim que quase triplicou numa única semana, passando de 14 para 38 casos confirmados.
 
Sem falar que dados internos do Hospital Municipal apotam um significativo numero de casos suspeitos aguardando resultados de exames.  
 
Ademais, a demanda diária de atendimentos de casos suspeitos no Hospital Percilio Alves  subiu bastante nos ultimos dias e está atualmente entre dez e quinze atendimentos diários.
 
Aproveito para comunicar que o Decreto será publicado no Diário Oficial dos Municípios no dia 22 de maio de 2020 e entrará em vigor a partir dessa da próxima sexta feira.
 
Assim, sirvo do presente para comunicar a todos, principalmente a Caixa Econômica Federal, lotericas e demais Agencias Bancárias que não será tolerada qualquer tipo de aglomeração no período de 22 de maio até 05 de junho do corrente ano, nos termos da Decisão do STF que delegou aos Municípios competência para editar regras de isolamento.
 
Por fim comunicamos que só será permitido a circulação em vias públicas de pessoas utilizando marcaras.
 
Os demais pontos constará no Decreto que será publicado no Diário Oficial do dia 22 de maio de 2020.