Bolsonaro derruba medida que liberava Weintraub para nomear reitores

13/06/2020


Foto: EBC
 
O presidente Jair Bolsonaro derrubou nesta sexta-feira (12) a medida provisória que dava liberdade para que o ministro da Educação, Abraham Weintraub, poudesse escolher os reitores de universidades e institutos federais em meio à pandemia do novo coronavírus (Sars-CoV-2). De acordo com a MP 979, o chefe da pasta poderia fazer a escolha sem consultar previamente integrantes da comunidade acadêmica.
 
Ainda nesta sexta,  o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), disse que havia decidido devolver a MP ao Planalto. Segundo o parlamentar, como chefe do Congresso Nacional, ele não poderia “deixar tramitar proposições que violem a Constituição Federal”.
 
A medida provisória foi duramente criticada pela comunidade acadêmica, já que tirava da comunidade acadêmica a possibilidade de escolher reitores, segundo esses membros, isso iria ferir a autonomia das instituições.

Fonte: EBC