"O país está próximo do fim da pandemia", afirma farmacêutico

27/01/2021

Por: Redação PN

 

 

         Nesta quarta-feira (27), no programa Hora do Café, o jornalista Genilson Souto entrevistou Arthuro Pereira, farmacêutico e diretor da Companhia da Fórmula no município de Parnamirim, que falou sobre a gestão à frente da empresa, além da vacinação e do uso de medicamentos vendidos pela empresa para a contenção do novo coronavírus.

        Segundo o farmacêutico, com a chegada da vacina, o país está próximo do fim da pandemia, mesmo que não haja a erradicação total do vírus. Para ele, se forem contempladas todas as determinações sanitárias dos órgãos de saúde, a população poderá ter uma rotina normal em breve.

         Em relação à distribuição de medicamentos por parte da Companhia da Fórmula para o tratamento da covid-19, como o caso da ivermectina, o farmacêutico enfatiza: "a ação da Ivermectina em relação a outros vírus já vem sendo estudada há muito tempo e, com a disseminação da pandemia, esses estudos vieram à tona. Nesse sentido, médicos em Natal passaram a analisar essas publicações científicas em torno desse remédio e entenderam que poderia haver algum sentido no uso da Ivermectina na diminuição da carga viral da covid-19. Sendo assim, embora não haja uma eficácia comprovada cientificamente na ação desse medicamento, o fato é que, coincidência ou não, as mortes em Natal e Parnamirim, por exemplo, diminuiram depois que as pessoas passaram a tomá-la".

         No que se refere à atuação da Companhia da Fórmula em Parnamirim, o diretor salienta: "essa é uma cidade que fomenta muitos empregos. O mercado de Parnamirim, hoje, está mais movimentado; e a nossa empresa, recentemente, foi agraciada pela prefeitura como uma das que mais contribuiram para o município com o ISS (Imposto Sobre Serviços). Na verdade, é de fundamental importância para o nosso trabalho que os postos de saúde e clínicas estejam funcionando normalmente, na medida em que precisamos deles para os pacientes virem até nós", finaliza.

 

Para assistir à entrevista,acesse o link: https://youtu.be/AAOGAHqTN7w