"Nosso compromisso é com a cidadania", afirmam professores da UERN

31/03/2021

Por: Redação PN

 

 

   Nesta quarta-feira, no jornal Potiguar Notícias - Primeira Edição, a jornalista Andrezza Tavares entrevistou os professores Adalberto Veronese e Maria José, candidatos a reitor e vice-reitora da UERN (Universidade Estadual do Rio Grande do Norte), que falaram sobre suas propostas para a gestão acadêmica, além das particularidades do processo eleitoral, que ocorrerá no próximo dia 14 de abril.

         Segundo os candidatos, que formam a chapa Muda UERN, a principal bandeira de suas campanhas é o crescimento da instituição, a partir da valorização dos seus servidores e alunos. Para eles, além da disseminação do conhecimento, a instituição deve preocupar-se na promoção da cidadania, aguçando a criticidade dos estudantes e incitando neles o entendimento sobre os seus papeis no estado democrático de direito.

         Em relação a uma possível intervenção do governo federal no processo eleitoral da UERN, os professores ressaltam: "a universidade está muito atenta a essas questões, sobretudo pelo que aconteceu no ano passado, quando houve muitas discussões acerca da lista tríplice e uma ingerência do governo na nossa política interna. Nesse sentido, é preciso valorizar os nossos princípios democráticos e o respeito à constituição, no sentido de que o voto da comunidade acadêmica nos seus representantes seja soberano".

         No que se refere ao processo eleitoral, os candidatos orientam: "primeiro é preciso dizer que esse período de afastamento das atividades tem sido muito desafiador para todos nós, em que temos que manter a universidade em funcionamento mediante a modalidade remota. A votação, que também, obviamente, será contemplada no âmbito virtual, será realizada no SIGAA Eleições; e nós, da chapa Muda UERN, temos o sentimento de que os estudantes poderão ser o grande diferencial nesse processo, tendo em vista que o sistema remoto permitirá que eles, onde quer que estejam, possam exercer seu direito democrático", finalizam.

 

Para assistir à entrevista, acesse o link:https://youtu.be/fqT-so_z_p8