DIA MUNDIAL DA ARTE, Portugal…

17/04/2021

Por: LILIANA BORGES
DIA MUNDIAL DA ARTE,  Portugal…
 
O Dia Mundial da Arte foi aprovado pela International Art Association em 2012 para ser comemorado sempre a 15 de abril que tem como objetivo promover a atividade artística em todo o mundo. A data foi escolhida devido ao nascimento de um dos maiores génios artístico do globo, Leonardo da Vince, sua “Mona Lisa” é uma das pinturas mais conhecidas do mundo. 
 
Segundo a UNESCO, a arte desempenha um papel importante no compartilhamento de conhecimento, na promoção da curiosidade e do diálogo e para ONU, o desenvolvimento da arte é o meio de alcançar um mundo livre e pacífico.
 
E ainda, segundo a Wikipédia, “pode ser entendida como a atividade humana ligada às manifestações de ordem estética ou comutativa, realizada por meio de uma grande variedade de linguagens, tais como: arquitetura, desenho, escultura, pintura, escrita, música, dança, teatro e cinema, em suas variadas combinações.” 
 
Qualquer que seja o conceito, a arte adorna nossa vida com a adversidade de simbologias e culturas, seja um monumento ou um rabisco no papel. A bela arte é aquela que toca nosso coração, ativa nossa sensibilidade, nossas emoções, nossos sentimentos…
 
Não importa se o artista é um gênio famoso ou um desconhecido, mas que motive alguém por um momento parar e comtemplar, pois a beleza é completamente subjetiva, o que chama atenção de uma pessoa não que dizer que seja da mesma forma para outra. Estou longe de ser um crítico da matéria, mas para mim simplesmente arte é que enchem meus olhos e que me emociono, independentemente de quem a produziu.  
 
A arte é uma música que nos faz lembrar algo bom; é um espetáculo que viajamos na imaginação; é um bom livro; é um suntuoso monumento; é uma tela pintada por um artista em uma praça, é um músico tocando algum instrumento em uma estação; é um rabisco que nossos filhos nos presentearam quando crianças; são desenhos registrados nas cavernas pelos nossos antepassados; são as grutas escupidas pela natureza em milhares de anos…
 
Todos os lugares que conheci em Portugal sempre me deparei com encantadoras obras de arte, pois comumente estão associadas a um período na história, por si só elas narram os acontecimentos na época de sua origem. A exemplo das Joias Manuelinas, como o Mosteiro de Jerónimos e a Torre de Belém que mostram a grandiosidade do poderio econômico dos Descobrimentos.
 
E mais, o Parque dos Poetas que nos presenteia com belíssimas obras homenageando inúmeros escritores; Atalaia com seu Santuário; LX Factory, centro cultural e empresarial; o Palácio da Bacalhôa e sua Adega Museu; o Palácio Chiado anteriormente o Palácio Quintela; os bairros históricos de Lisboa; Parque das Nações, contemporâneo; Almada, o Cristo Rei e a Fragata D. Fernando da Glória; no Algarve com suas deslumbrantes grutas, obras da natureza; Montijo com suas graciosas flores…
 
 A arte está por aqui por todos os lados, nos cantos e recantos das Terras Lusitanas…
 
Estas preciosidades independentemente de onde estejam ornamentam e embelezam o nosso dia a dia, deixando nossa rotina mais leve…
 
Ademais viver também é uma arte…