Motorista que causar acidente grave de trânsito será avaliado por psicólogo

03/05/2021


 
 
Neste mês, entraram em vigor as regras do novo Código de Trânsito Brasileiro (CTB), que prevê exames de aptidão física e mental, e a renovação da avaliação psicológica para condutores infratores. A outra exigência da nova Lei é que as avaliações psicológicas sejam realizadas por psicólogos com título de especialista em Psicologia do Trânsito.
 
Para o Conselho Regional de Psicologia (CRP-RN), esses critérios qualificam a habilitação do condutor. “A qualificação dos profissionais ao contexto do trânsito, assim como a renovação da avaliação psicológica aos motoristas infratores, previnem novas infrações no retorno à direção”, afirma Keyla Amorim, presidente do CRP-RN.
 
Segundo dados do Observatório Nacional de Segurança Viária (ONSV), 90% dos acidentes de trânsito no mundo são causados pelo comportamento humano, seguido por falhas em veículos e nas vias públicas. Em 2019, o Brasil registrou 40.721 mortes por acidentes de trânsito, de acordo com número de indenizações pagas pelo Seguro DPVAT.