Bruna Hetzel abre temporada de lançamento de álbum “Canto do Mar" com clipe

18/11/2021


Foto: Divulgação
 
“Canto do Mar”, videoclipe de Bruna Hetzel estreia nesta sexta-feira (19) nas plataformas digitais. A produção audiovisual traz uma narrativa sobre uma artista em devaneio, buscando inspiração para sua arte numa travessia pelo mar de Dorival Caymmi, de quem Bruna Hetzel buscou inspiração. Ela e a bailarina Ana Cláudia Viana interpretam a criadora e a criatura e prestam uma homenagem a outras artes, como a dança e a pintura. O videoclipe em tons de ficção tem a direção e roteiro do cineasta e produtor Pedro Fiuza, em seu primeiro trabalho após “Sideral”, curta-metragem que o levou como produtor ao Festival de Cannes.
 
O clipe produzido a quatro mãos abre caminho para o lançamento do álbum “Canto Azul”, primeiro álbum de Bruna Hetzel, finalizado este ano com direção musical de Eduardo Taufic. O disco também tem data marcada para o lançamento oficial, previsto para o dia 03 de dezembro. “Preparamos o lançamento do clipe e do álbum para fechar o ano de intensa produção e imersão em Canto Azul. Gravamos em plena pandemia, lançamos singles, semeamos o terreno. Agora encerramos o ciclo, e é tempo de ofertar a nossa música ao mundo”, disse a cantora.
 
Para Bruna, a canção celebra a música popular brasileira e as matrizes de nossa tradição cultural através da figura mítica de Caymmi e seu universo poético O diretor Pedro Fiuza conta que o objetivo do clipe foi colocar a intérprete em outro lugar não apenas performando a canção, mas atuando e, nesse caso, dançando com uma de nossas maiores bailarinas em atuação na cena local. “É permitir que o público perceba uma história e não somente uma progressão estética ao longo da obra. Eu acho que toda obra que interpreta sua realidade fica mais interessante quando foge a literalidade. Obviamente a música faz referência ao mar, mas é um mar que já foi interpretado por Caymmi, Verger, Carybé, Glauber e Alberto Cavalcanti. Como o clipe também fala de fazer e criar arte, como a pintura e a dança”, disse o diretor. 
 
O projeto foi aprovado na chamada pública da Lei Aldir Blanc, pela Prefeitura de Natal e paralelamente a artista conseguiu fechar o financiamento coletivo no site Benfeitoria. Os recursos se complementam para a ampliação do projeto — álbum virtual, videoclipe e single, também com apoio da LAB via Fundação José Augusto. A produção executiva é de Luciano Prates.