Tiririca é o maior opositor de Bolsonaro na Câmara Federal

26/11/2021

Por: Otávio Albuquerque
Foto: catracaivre.com.br

 

De acordo com dados do Radar do Congresso em Foco, o deputado Tiririca (PL-SP) é o deputado que mais vota contra as proposições do governo de Jair Bolsonaro (sem partido). Conforme apontou os números da ferramenta, o primeiro palhaço profissional eleito para o Congresso brasileiro votou em 58% das vezes em consonância com as propostas do Palácio do Planalto.


O comportamento de Tiririca em relação às pautas do governo estão em oposição à postura do PL, que acompanhou as ações governistas em 93% das situações, sendo o segundo partido mais fiel ao atual chefe do executivo federal, atrás apenas do PSL, outra legenda do chamado “centrão” e responsável pela ascensão de Jair ao poder. Na próxima semana, está marcada a cerimônia de filiação do mandatário ao partido de Valdemar da Costa Neto.


No que concerne às divergências entre Tiririca e Bolsonaro, o humorista votou em conformidade ao executivo apenas na PEC dos Precatórios. Por outro lado, o parlamentar se posicionou contra as privatizações dos Correios e da Eletrobras, o repasse de dinheiro do Fundeb a escolas religiosas, a obrigatoriedade do voto impresso e o veto aos reajustes de servidores. 


Em uma das poucas entrevistas que concedeu à imprensa durante sua atuação no Congresso Nacional, Tiririca falou à Folha de São Paulo e justificou sua posição contrária às medidas governistas. “Tá faltando a galera pra chegar e dizer: ‘Irmão, senta aqui. Cara, tu não é deputado. É o país, irmão. Assim não vai. É assim, assim e assim…’ Se ele não sair do pedestal ele vai ser o pior governo que já tivemos em todos os tempos”, ressaltou.


Apesar das dissidências, Tiririca apoiou o impeachment de Dilma Roussef e a eleição de Jair Bolsonaro, com quem teve sempre boas relações no cotidiano da Cãmara dos Deputados. No entanto, em 2019, em conversa que teve com o já presidente Bolsonaro, alertou-o para que não se tornasse o pior presidente da história.