“Não há chance de golpe no Brasil”, afirma Ciro Gomes

16/05/2022


Foto: otempo.com.br

 

Em entrevista à CNN Brasil, neste domingo (15), o ex-ministro Ciro Gomes (PDT-CE) falou sobre as eleições de outubro e a possibilidade do presidente Jair Bolsonaro (PL) promover um golpe de Estado no Brasil. De acordo com o ex-governador do Ceará, não há chance do atual chefe do executivo federal ser bem-sucedido nesse suposto objetivo.

 

Apesar de descartar essa possibilidade, Ciro ressalta que a intenção de Bolsonaro está voltada para essa finalidade e que é fomentada por atitudes equivocadas de membros do judiciário. “Não há nenhuma, nenhuma, chance de um golpe se consumar no Brasil, mas isso está na cabeça ‘tarada’ do Bolsonaro. Está ajudado também pelo comportamento, às vezes ingênuo, às vezes politiqueiro demais, de certas autoridades do Judiciário”, disse o ex-ministro da Fazenda. 

 

A fim de evitar o suposto golpe, Ciro, que tem se firmado como protagonista da chamada “terceira via”, conclamou, ainda na semana passada, que os partidos e postulantes à presidência se unam em prol da democracia. “É preciso que todos os candidatos, de todos os partidos, sentem imediatamente à mesa para denunciar isto publicamente ao Brasil e ao mundo. Faço esta convocação e espero ser ouvido por todos os demais candidatos”, enfatizou. 

 

Durante a exposição aos jornalistas, o pedetista também informou que está plenamente recuperado da Covid-19, que o acometeu no decorrer da última semana. Em relação à corrida ao Palácio do Planalto, o ex-deputado federal admitiu conversas com o União Brasil, cuja finalidade é se tornar o nome de consenso das legendas que compõem o bloco da terceira via.