Aumentou, de novo: Gasolina chega a R$ 6,49 em Natal

08/07/2021

Por: Jessyanne Bezerra

 

O litro da gasolina comum chegou a R$ 6,49 na tarde desta quarta-feira (7) na região metropolitana de Natal. O valor final do combustível teve um aumento de R$ 0,28 com relação ao valor cobrado anteriormente.

Valor do diesel aumentou 6,3% e gasolina tem alta de 3,7%. É o primeiro aumento praticado na gestão do general Joaquim Silva e Luna.

Na segunda-feira (5), a Petrobras anunciou um reajuste de R$ R$ 0,16 no preço do litro de gasolina na refinaria. Também foi anunciado um aumento de 3,7% no valor do Etanol, passando a custar R$ 2,81 na refinaria.

O repasse dos reajustes nas refinarias aos consumidores finais nos postos depende de uma série de questões, como margem da distribuição e revenda, impostos e adição obrigatória de etanol anidro e biodiesel.

Uma pesquisa feita pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) entre os dias 27 de junho e 3 de julho revelou que o Rio Grande do Norte tem a terceira gasolina mais cara do país, ficando atrás apenas do Acre e do Rio de Janeiro. Durante o levantamento, o valor médio era de R$ 6,21 por litro no RN. 

 

Como funciona a Nova Política de Preços

A nova política de “salvação da Petrobras” foi adotada em 2016 e utiliza a ferramenta de preço da paridade internacional: a gasolina que é produzida aqui no Brasil, é um produto brasileiro e refinada no Brasil. Porém, acaba sendo vendida como comódite, que é um produto de valor comercial internacional. Então o preço quando varia lá fora, o preço do barril sobe, então, por consequência, o preço da gasolina vai subir também.

Essa política adotada e mantida pelos presidentes Temer e Bolsonaro é constituída pelo conceito de “vende em Real e compra em Dólar”, o Brasil vende o produto em real e compra a gasolina em dólar.

 

Fonte: G1