Bolsonaro não pode governar só para “bolsominions”, diz Doria

11/03/2020


Foto: Agência Brasil
 
Em agenda em Brasília nesta terça (10), o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), criticou o estilo de governar do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e defendeu a busca por diálogo para atingir a recuperação econômica.
 
"Ele [o presidente] tem que respeitar os votos que recebeu e os votos que não recebeu. Ele tem que governar para todos os brasileiros e não apenas para os seus seguidores, para os que votaram, ou os que são seguidores como bolsominions, ou entusiastas do presidente Bolsonaro. É preciso governar para todos os brasileiros. Esse é o sentimento que move uma democracia. Você não pode governar só para aqueles que você gosta, ou aqueles que gostam de você, governe para todos", disse Doria.
 
"Você também não governa através de manifestações, seja via imprensa ou seja via Whatsapp", completou o governador após encontro com o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ).
 
Para baixar a temperatura e diminuir as chances de um rompimento democrático, Doria acredita que são necessárias manifestações dos três poderes. "Nós temos poderes legitimados, bem constituídos e bem consolidados. A democracia no Brasil está sólida, mas ela não pode sofrer agressões e nem ameaças por parte do presidente da República".
 
Segundo ele, a situação de instabilidade que o país atravessa afeta a economia nacional, os investimentos externos, dificulta a entrada de capitais no Brasil, impede a geração de empregos e a confiabilidade internacional ao Brasil. "Portanto, presidente Bolsonaro, vamos ao diálogo, ao entendimento e ao respeito pela democracia", conclamou Doria.
 
Na campanha de 2018, Doria incentivou o movimento "bolsodoria", que pregava voto combinado em Jair Bolsonaro para a Presidência da República e em Doria para o governo de São Paulo. Recentemente, os dois trocaram farpas pela mídia e romperam politicamente. Os dois têm planos de concorrer a presidente em 2022 em lados opostos.

Fonte: Erick Mota / Congresso em Foco