Consórcio Nordeste destaca potencial energético da Região e discute transição energética

15/05/2024 09h04


Consórcio Nordeste destaca potencial energético da Região e discute transição energética

Foto: Divulgação / Daniela Luquini
 
O potencial energético do Nordeste brasileiro e a urgência em se realizar a transição energética como resposta à questão climática foram temas apresentados pela II Missão Internacional do Consórcio Nordeste em Roterdã, na Holanda. Governadores, governadora e integrantes do Consórcio Nordeste, da ApexBrasil e da Sudene realizaram encontros e reuniões com empresas no segundia dia de ações na Europa.
 
Liderada pela presidenta do Consórcio Nordeste, a governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra, a Missão realizou visita guiada ao Pavilhão da Associação Alemã de Fabricantes de Máquinas e Instalações Industriais e também aos estandes da Renânia do Norte-Westfalia, e fez reuniões com as empresas John Cockerill e 2G. Cogeneration. Em todos os momentos, foi possível debater sobre as novas tecnologias que propiciam a produção de uma energia mais verde para o mundo.
 
"Nós não poderíamos estar em outro local que não fosse aqui em Roterdã, no World Hydrogen 2024. Aqui, estamos no centro das discussões sobre descarbonização e também onde é possível encontrar os principais envolvidos neste processo de transição energética e desenvolvimento sustentável. A nossa meta é transformar o Nordeste, em breve, em uma referência na produção de hidrogênio", afirmou a presidenta do Consórcio Nordeste, Fátima Bezerra.
 
A governadora participou de reuniões com empresas investidoras, como a Green Energy Park, uma das maiores no setor de hidrogênio e amônia verde, para dialogar sobre projetos e diferenciais competitivos do Rio Grande do Norte para a produção, armazenamento, transporte e comercialização de hidrogênio e amônia verde.
 
O governador do Piauí, Rafael Fonteles, representou o Consórcio Nordeste na Sessão Brasil durante o painel “Hydrogen Horizons: Navigating Current Realities, Exploring Future Frontiers in Brazil” (Horizontes do Hidrogênio: Navegando pelas Realidades Atuais, Explorando as Fronteiras do Futuro no Brasil), no World Hydrogen 2024 summit & Exhibition.
 
O painel teve por objetivo apresentar planos de investimento em Hidrogênio Verde para os próximos anos. O governador do Piauí Rafael Fonteles ressaltou os potenciais e desafios para a indústria de Hidrogênio Verde no Brasil. "O Nordeste é a região mais propícia para ser a maior produtora de hidrogênio verde do mundo, fazendo com que a transição energética e a descarbonização da economia se tornem realidade. A nossa meta é seguir apresentando a região para o mundo e atrair investidores e empreendedores que apostam em nosso potencial", destacou Fonteles. A participação no painel veio através de convite da ApexBrasil, Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos.
 
O dia de atividades foi encerrado com um almoço oferecido pela ApexBrasil.
 
De Roterdã, a comitiva do Consórcio segue para Bruxelas, na Bélgica, onde tem agenda com representantes do Governo Belga. Como destaque, a apresentação de projetos pelo Governo Belga envolvendo energia verde e sustentabilidade, e reunião com o vice-presidente-executivo da Comissão Europeia e responsável pelo Pacto Verde Europeu, Comissário Maroš Šefčovič.
 
De Bruxelas, a Missão segue para Berlim, última parada de seus integrantes, onde, entre as atividades, será realizado o Seminário "Brazilian Northeast: Green Industry and Energy Transition Investment Opportunities", dentre outras atividades.
 
Estiveram presentes nas agendas deste segundo dia, a presidenta do Consórcio Nordeste e governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra; os governadores Paulo Dantas (AL); Jerônimo Rodrigues (BA); Elmano de Freitas (CE); Rafael Fonteles (PI); Fábio Mitidieri (SE) e o vice-governador do Maranhão, Felipe Camarão. Além de Fernando Hollanda, secretário-chefe da Assessoria Especial da Governadora Raquel Lyra e Relações Internacionais de Pernambuco e do superintendente da Sudene, Danilo Cabral.
 
 
 
O Consórcio Nordeste e o meio ambiente
 
Em setembro de 2023, as governadoras e governadores nordestinos assinaram parceria com o Banco Mundial para avanço na cadeia produtiva do Hidrogênio Verde (H2V) com o objetivo de criar cadeias de valor e um polo de hidrogênio, consolidando o Nordeste como centro de economia sustentável.
 
Em novembro, o Consórcio apresentou à ministra de Meio Ambiente e Mudança do Clima, Marina Silva, proposta para criação do Fundo Caatinga, que destinaria recursos para a preservação do bioma. Na ocasião, ficou acertado que possíveis formatos para o fundo serão avaliados com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), entre outras organizações.
 
Em fevereiro deste ano, o Consórcio assinou documento denominado "Carta de Natal", reafirmando o compromisso do grupo em atuar de maneira eficiente para mitigar os efeitos provocados pela mudança do clima.
 
Após a apresentação no ano passado, o Consórcio e o Ministério de Meio Ambiente e Mudança Climática (MMA), em abril deste ano, formalizaram a criação do Fundo Caatinga com aval para o avanço em suas implementações.
 
 
 
Confira a agenda desta quarta-feira da II Missão Internacional:
 
9h - Visita técnica ao Porto de Antuérpia
 
10h - Reunião com o Governo Belga para apresentação do Consórcio Nordeste e apresentação dos planos de H2V para atração de investimentos
 
14h/14h30 - Reunião com o vice-presidente-executivo da Comissão Europeia e responsável pelo Pacto Verde Europeu, Comissário Maroš Šefčovič (Berlaymont).
 
14h45/15h15 - Reunião com a Comissária para Parcerias Internacionais, Jutta Urpilainen (Berlaymont)
 
15h30/17h - Reunião ampliada com representantes das Direções Gerais da Comissão, estados membros e de empresas
 
18h - Coquetel oferecido pela Missão do Brasil junto à UE e pela Embaixada do Brasil junto ao Reino da Bélgica e Luxemburgo ao Reino da Bélgica e Luxemburgo.